Grupo Fruto da Terra tem o primeiro álbum editado em CD com a arte gráfica do segundo disco

6

Grupo formado pelo pianista mineiro João Gonçalves de Paula, músico conhecido pelo nome artístico de João Cristal, Fruto da Terra gravou três álbuns ao longo das décadas de 1980 por duas gravadoras nacionais, ambas atualmente já extintas.
O último, Tudo é azul, foi lançado em 1988 pela Continental. Já os dois primeiros saíram em 1981 e em 1983, ambos pela RGE e ambos com o nome do grupo no título.
A real capa do álbum ‘Fruto da terra’, de 1981
Reprodução
Essa coincidência gerou erro gráfico na primeira edição em CD do álbum de estreia do Fruto da Terra.
Lançada neste mês de março de 2019 pelo selo Discobertas, dentro do 12º pacote de títulos em CD dos catálogos da RGE e da Som Livre, a edição em CD do álbum Fruto da terra de 1981 chega ao mercado fonográfico com a capa, a contracapa (reproduzida internamente) e o selo do álbum Fruto da Terra de 1983.
Já o disco que roda é o de 1981, como está explicitado na contracapa externa que relaciona corretamente os nomes das dez faixas e das 11 músicas (com os nomes dos respectivos compositores) que formam o repertório majoritariamente autoral desse álbum de 1981.
O erro gráfico é letal para colecionadores de discos, principal público-alvo da aclamada série de reedições em CD do selo.

Editoria de Arte / G1