Keith Flint, vocalista do Prodigy, morre aos 49 anos

15

Cantor de hits como “Firestarter” foi encontrado morto em sua residência, no Reino Unido. Entre suas características estavam o corpo marcado por tatuagens e as apresentações cheias de energia. Keith Flint, vocalista do Prodigy, encontrado morto aos 49 anos
Alessia Pierdomenico/Reuters
O cantor britânico Keith Flint, vocalista da banda Prodigy, foi encontrado morto em sua casa em Dunmow, no Reino Unido, nesta segunda-feira (4). Ele tinha 49 anos. A morte não está sendo tratada como suspeita.
De acordo com a BBC, a polícia diz que recebeu “chamados para preocupações com o bem-estar de um homem” na manhã desta segunda. Ao chegar ao local, Flint já estava morto. Ele se preparava para uma nova turnê nos Estados Unidos em maio.
Flint fez sucesso na década de 1990 com os singles “Firestarter” e “Breathe”, que lideraram as paradas por volta do ano de 1996. Além dos diversos piercings e tatuagens, tinha como marca registrada as apresentações enérgicas.